Cafu é o padrinho do Projeto DRIBLANDO O CÂNCER

O Projeto Driblando o Câncer acaba de ganhar uma importante adesão. Cafu, o eterno capitão da seleção brasileira e pentacampeão mundial, foi nomeado padrinho do Projeto, aderindo com força à campanha e confirmando presença no jogo de futebol de celebridades, no próximo dia 15 de dezembro, domingo, no Corinthians/Parque São Jorge.

Cafu foi considerado um dos maiores laterais direitos da história do futebol, sendo recordista de jogos pela seleção brasileira, com 149 partidas. Atualmente é o embaixador da Copa do Catar, que se realiza em 2022.

Cafu é um dos pioneiros em projetos sociais. Criou há 14 anos, a Fundação Cafu, onde já atendeu mais de 950 crianças. “Sempre que se fala em solidariedade, em ajudar o próximo, eu estarei disponível. E, desde que a organização da campanha DRIBLANDO O CÂNCER me procurou, eu decidi aderir porque vi o Projeto e me interessei na hora. Perdi meu pai e minha mãe por essa terrível doença. A partir desse momento, eu faço parte dessa campanha e espero que vocês façam parte também”, destaca o atleta.

Adesão maciça dos jogadores de futebol e celebridades

Segundo Gil Santos, presidente da Craques Master Brasil, realizadora do evento, a adesão dos jogadores de futebol está sendo maciça. ”Ficamos impressionados com a adesão de todos os jogadores. Já temos cerca de 30 atletas confirmados e outros estão dependendo de definição de agenda. Isso prova que DRIBLANDO O Câncer está no caminho certo”, destaca.

Também no jogo preliminar das mulheres, estão confirmadas celebridades como a atriz Mary Alexandre; a Musa do Palmeiras, Daniele Oliveira; a Miss Bumbum World 2019, Suzy Cortez; a Miss Tattoo Week 2019, Brenda Bubulla; a jurada do Gugu, atriz e modelo Cris Piza; a apresentadora da NGT TV , Priscila Sá;e sete jogadoras do time oficial da Escola do Bolinha Futebol Clube, de Manaus, que incluem índias do Amazonas. Foram convidadas ainda JojoTodynho, Helen Ganzarolli,Glória Groover,entre outras famosas. O jogo feminino está sendo coordenado pela empresária e influencer, Adriana Restum, da Planet Girl.

A equipe masculina oficial de futebol integra Cafu ( pentacampeão), Ronaldo (tetracampeão), Amaral (seleção), Jamelli (seleção brasileira), Viola (pentacampeão),Ademir da Guia (Divino), Zenon (Corinthians), Luizão, Júnior (pentacampeão), goleiro Gilmar, Careca, BiroBiro, Gustavo Nery, Pavão, Zé Carlos ( seleção), Diney ( Corinthians), César Sampaio ( seleção), Alexandre Rosa ( Palmeiras),Tonhão ( Palmeiras), Fabiano Rodrigues (Fenerbahçe),Ademar ( Stuttgart-Alemanha), Somália ( Fluminense), Elivelton ( Seleção) , Alexandre Alves ( São Paulo) , Derval ( Santos), Leandrinho ( São Paulo) e Rogerinho (Corinthians), entre outros famosos.

Segundo Gil Santos, presidente da Craques Master e da Fundação Brasil + Social, o projeto Driblando o Câncer fará o maior jogo da história de São Paulo, unindo a filantropia ao futebol. “ Temos certeza que somente a mobilização e a conscientização da opinião pública poderá virar esse jogo contra o câncer”, alerta. Ele convoca todos os empresários a participar, com suas cotas de responsabilidade social.

O que pretende DRIBLANDO O CÂNCER?

Organizado pela Fundação Brasil +Social,Driblando o Câncer, projeto nacional de alerta contra o câncer no país, que conta com o apoio de 20 ONGs que lutam pelos direitos e bem estar dos pacientes, pretende sensibilizar a opinião pública para a questão do câncer no Brasil. A renda arrecadada no projeto custeará o jogo e parte será revertida para as ONGs colaboradoras.

Dados do Inca- Instituto Nacional do Câncer- indicam que 600 mil brasileiros são vitimados pela doença por ano, com a morte de 240 mil pessoas. E, se nada for feito, o câncer será a primeira causa de morte no país até 2.030, superando as doenças cardiovasculares.

Para mudar esse dramático quadro, que se agrava com o envelhecimento da população, o Projeto Driblando o Câncer defende em sua luta, quatro pilares: a prevenção, o diagnóstico precoce, o acesso ao SUS e a priorização do câncer nas políticas públicas.

O Projeto pretende driblar o câncer pela conscientização pública.  Inclui divulgações pelas mídias sociais e imprensa, simpósios e debates sobre o tema câncer com a participação de especialistas e um trabalho junto ao poder público. E prossegue em 2020 com novas ações e jogos em várias partes do país.

Serviço

Jogo solidário no Corinthians/Parque São Jorge

Data: 15 de dezembro (domingo) a partir das 14h00

Ingresso social  : R$ 10,00 ( arquibancada) e R$ 20,00 ( cadeira coberta) –  colocar os links da Ticket agora e Sympla

Sigam-nos pelas redes sociais : @driblandoocancer