A Fundação Brasil +Social, que coordena o Projeto Driblando o Câncer, acaba de lançar o projeto RECONSTRUIR. Trata-se de um ambulatório de micropigmentação gratuito, dirigido a mulheres carentes com câncer para reconstrução de sobrancelhas e aréolas de mamas.

Segundo Niolanda Dantas, colaboradora da Fundação, recuperar a autoestima, a beleza e a confiança das pessoas em si mesmas é tão importante quanto o próprio tratamento médico. “Perder a mama, os cabelos, a sobrancelha… faz a mulher perder sua referência e pode levar à depressão. Então decidimos trazer esse serviço, de forma gratuita para elas”, destaca.

O ambulatório será instalado em um espaço da ONG GAMA- Grupo de Apoio Momento de Amar, na Zona Leste de São Paulo. Esse espaço será todo reformado e adaptado ao ambulatório. “Nossas pacientes merecem ser atendidas em um espaço bonito, acolhedor e com toda infraestrutura que merecem”, observa Niolanda.

A presidente do GAMA, Maria de Lurdes Silva do Nascimento, está entusiasmada com o projeto, pois o GAMA vem lutando e realizando um trabalho de muitos anos para garantir dignidade no atendimento das mulheres e homens com câncer. “E o projeto reconstruir só reforça nosso trabalho e nossa missão”, revela.

A ideia para montar o espaço foi conectar empresas e pessoas e criar uma rede do bem. A arquiteta Marina Moreira de Almeida, da Sal Arquitetura, é voluntária e irá projetar o novo espaço enquanto a loja de decoração Vitrine, na conceituada Rua Gabriel Monteiro da Silva, nos Jardins, já se prontificou a doar persianas e tecidos para decoração. Outras empresas estão sendo convidadas a participar. 

Rede de tatuagem do bem 

Com o objetivo de conseguir recursos, o Projeto Driblando o Câncer está criando uma rede de estúdios de tatuagem que farão “Flash Days”, objetivando doar uma parte do faturamento para o “Reconstruir”. “Flash Days” são promoções relâmpago onde as tatuagens são comercializadas a preços promocionais. Duram um ou dois dias.

Niolanda Dantas está muito feliz com a adesão maciça de pessoas e empresas. “O exercício da responsabilidade social e da cidadania nos engrandece. Convidamos todos os empresários e tatuadores a se conectarem aqui conosco. Vamos dar brilho a muitas vidas. Você pode participar também”, convida.

Esther Gawendo, presidente da Tattoo do Bem, braço social da Tattoo Week já aderiu ao Projeto Reconstruir e vai colaborar promovendo na Klan Tattoo, de São Caetano, um “Flash Day “ nos dias 8 e 9 de fevereiro (sábado e domingo), com parte da renda doada para o projeto.  “Iremos também disponibilizar micropigmentadoras para atender às mulheres e prosseguiremos com nossas ações de arrecadação de fundos em março”, destaca Gawendo.

Também a Sinapse Tattoaria, de São Bernardo do Campo, dos tatuadores Danila e Barney , já marcou um “Flash Day”, para o próximo dia 16 de fevereiro ( domingo) . O agendamento e escolha dos desenhos exclusivos deverá ser feito pelo Instagram @sinapse.tattoaria.

O Drygor Tattoo, na Zona Oeste, em Taipas, também aderiu. O tatuador Adriano Domingos da Silva estará marcando oportunamente o “Flash Day” para a data de inauguração de seu novo endereço.

A experiente micropigmentadora Ana Savoy, do Projeto Arte com Paixão, irá participar disponibilizando micropigmentadoras doadoras, que participarão dos ambulatórios, doando o trabalho para as pacientes. “Somos muito gratas de poder colaborar com esse projeto. Certamente será um grande projeto”, avalia .

Serviço

Flash Days agendados em benefício do Projeto Reconstruir

———————————————————————-

Dias 8 e 9 fevereiro – Klan Tattoo- Rua Pará 196- São Caetano

@klantattooscs

Dia 16 de fevereiro- Sinapse Tattoaria – @sinapse.tattoaria- agende por aqui e escolha seu desenho exclusivo